Minhas 95 teses

Depois do sucesso do Reality Show que criei,  a lógica indicou que a próxima etapa seria fundar minha própria religião. (Confesso que às vezes nem eu acompanho minhas linhas de raciocínio). Trata-se de um paradoxo, já que, historicamente, sou avesso a religiões. Quando me disseram, por exemplo, que Martinho era o nome de um pastor alemão ilustre, fiquei bastante ofendido (mas só até descobrir que estavam falando de um cachorro).

O fato é que nunca senti a vocação monástica, até receber recentemente uma mensagem divina na forma de um sanduíche com um picles na forma do rosto da Vera Fischer. Se isso não é um sinal, não sei o que é, e certamente aquela abobrinha que parecia o Chacrinha não era um.

Dotado então da certeza de um futuro predestinado às graças de representar a Força Maior, Aquele que controla a todos nós – o Obama Celeste, por assim dizer -, é que criei as bases da minha religião. As chamo de “Minhas 95 teses”, ainda que sejam só cinco. (Também nunca senti vocação para a matemática.)

1 – Deus existe, mas não se preocupa muito com a nossa existência. Basicamente, Deus é como um adolescente jogando video-games: você fala com Ele, Ele dificilmente responde e, na prática, não ouviu nada.

2 – Domingo é um dia sagrado, por ser o dia em que Deus descansou. Portanto, nada de ir à igreja e importuná-lo em Seu dia de folga. É mandatório ficar em casa e apreciar a excitante programação dominical da TV aberta.

3 – O sexo antes do casamento não apenas é permitido, mas também o sexo após o matrimônio é extremamente desencorajado.

4 – Existe vida após a morte. De fato, quando morre, o sujeito vai para o paraíso, mas esse é exatamente igual à terra. Lá, recomeça sua vida exatamente de onde parou, ou seja, chato pra caralho.

5 – Durante o primeiro dia do mês, o dízimo (compulsório) será doado aos menos favorecidos. Nos outros dias, será guardado para a causa ainda mais nobre de me comprar um Playstation 3. E depois um Atari, porque porra, clássico, né.

Depois de comprado o Atari, nem tentem falar comigo: eu dificilmente responderei e, na prática, não ouvirei nada.

2 respostas para Minhas 95 teses

  1. jocimardiasjr disse:

    ahahhhahahhaahhahahah

  2. Enzo disse:

    iuohoiuhoiuhoiuhoiuh

    totalmente excelente

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: