O Poeta que perdeu a esperança – Infância

Início da saga do poeta que nasceu alegremente deprimido. Um show de poluição visual que só o Paint poderia nos dar.

Uma resposta para O Poeta que perdeu a esperança – Infância

  1. Martinho Hoffman disse:

    Deliciosamente doentio!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: